Gabriel Zitune-2

Unibes Universitário apoia jovens no ensino superior

O vice-presidente da Área da Criança e do Adolescente da Unibes, Gabriel Zitune, falou em entrevista sobre o Unibes Universitário, programa que dá apoio a jovens estudantes do ensino superior com acompanhamento pedagógico, ciclo de palestras relacionadas ao mercado de trabalho e suporte nas mensalidades.

Gabriel também ressaltou que o Unibes Universitário ainda ajuda os estudantes a desenvolverem características muito importantes como disciplina, planejamento, estratégia, realização e sentido de prosperidade.

Leia a matéria completa:

“Educação traz progresso social e  desenvolvimento para as famílias”  Gabriel Zitune conta sobre o projeto Unibes Universitário e a atuação da entidade na pandemia./Tribuna Judaica – Ed. Setembro de 2020

Tribuna Judaica: Como a Unibes vê o papel da educação na transformação social? 

Gabriel Zitune: A Unibes tem uma tradição de muitos anos de atuação na Área da Criança e do Adolescente. E durante todo esse período em que assistimos essas crianças e jovens, pela experiência que temos, pudemos presenciar que a educação vai muito além de beneficiar apenas essas crianças. O processo pedagógico que elas vivenciam extrapola o contexto educacional porque essas vivências transformam a vida da família desses atendidos como um todo. Por meio dessa criança, a educação traz progresso social e desenvolvimento para essas famílias transformando a realidade delas também. 

TJ: O que é o Unibes Universitário?

GZ: Esse é um programa que teve  seu formato inicial há quase 20 anos  com o projeto Ieladim que nasceu  de um desejo do Sr. Elie Horn, que  solicitou que a Sra. Rivka Dollinger  procurasse alguém para desenvolver  um projeto para investir em estudantes da comunidade que estudavam  em escolas públicas e privadas não  judaicas, financiando os estudos  deles em escolas judaicas. Com o passar dos anos, foi identificada a necessidade de estender a oportunidade de estudo aos irmãos desses alunos que estavam nafaculdade,  porém com as suas matrículas trancadas por questões financeiras. Desta forma, em 2004, nasceu o Unibes Universitário para toda a comunidade, porém com o foco maior na  comunidade judaica. 

TJ: Que tipo de apoio os beneficia dos pelo programa recebem?

GZ: O programa vai muito além da  captação de recursos para bolsas de  estudo. Precisamos salientar que  além do apoio nas mensalidades,  fazemos também o acompanha mento pedagógico e oferecemos um  programa de palestras e dinâmicas  para esses jovens. Entre os conteúdos  abordados, estão temas relacionados  ao judaísmo, questões do Oriente  Médio e Israel, além de informações  exigidas no mercado de trabalho. O curso é coordenado pelo Consultor  Executivo Sr. Arie Bleich e dá aos  jovens uma forma de se manterem  conectados a nossa cultura e tradição. Por meio de uma equipe de  professores experientes, as aulas são  dinâmicas e procuramos analisar  dilemas do nosso cotidiano através  da visão da nossa cultura milenar.  

TJ: Que resultados o programa já  atingiu ao longo dos anos? 

GZ: O programa ajuda esses estudantes a desenvolverem características muito importantes como  disciplina, planejamento, estratégia,  realização e sentido de prosperidade.  

Desta forma, já contribuímos para a  independência financeira de dezenas  de famílias, a partir dessa orientação  e da educação formal. Mais de 180  jovens já conseguiram se formar com  a ajuda do programa. Hoje, 65 jovens,  entre 17 e 26 anos, são beneficiados  pelo programa e estudam em cursos universitários reconhecidos pelo  MEC, com boa pontuação no Enade  e com uma boa imagem no mercado. Destaco que 12 de nossos alu nos estão cursando Medicina, o que  demonstra a capacidade de empatia  que esses jovens têm com a nossa  comunidade e com o mundo, além  da vontade de modificar a realidade  social e seu histórico familiar. Como  resultados positivos, temos também  o maior envolvimento desses jovens  em nossa comunidade e uma maior  valorização de costumes e tradições. 

TJ: Quem são os principais parceiros  do Unibes Universitário? 

GZ: Nesse programa contamos com  a parceria do Sr. Elie Horn desde o  início. Além dele, também temos a  contribuição de grandes filantropos  da comunidade judaica e da comunidade maior. Existe também um movi mento muito bonito que acontece que  faz com esses jovens beneficiados, já  formados, retribuam o apoio recebido  no passado, financiando o estudo de  outro aluno no programa. Isso faz com que o investimento que foi feito nesse jovem se perpetue.  

TJ: Como a Unibes tem enfrentado o desafio de atender os assistidos do  programa nesta pandemia?

GZ: Este ano, como o mundo todo, tivemos que nos reinventar  com aulas virtuais. Os resultados foram surpreendentemente positivos e nossos alunos não tiveram o desenvolvimento e aprendizagem interrompidos. Conseguimos desta forma manter a excelência de nosso apoio e dar continuidade a esse programa que, como todos os da Unibes, transforma pessoas para que elas possam transformar o mundo. 

TJ: Como é possível conhecer mais sobre o Unibes Universitário e como  apoiar o programa?  

GZ: Quem quiser saber mais sobre  esse programa e como contribuir  para que mais jovens sejam beneficiados, pode entrar em contato  comigo pelo email gaby@zitune. com.br ou com a Silvia Birger silvia.birger@unibes.org.br. Teremos um  grande prazer em contar mais sobre  o Unibes Universitário e mostrar  que existem diferentes formas de  apoio, inclusive a parcial. Qualquer  doação é muito bem-vinda e faz  uma grande diferença na vida desses jovens!

Conheça outros programas da Unibes que apoiam jovens, clicando aqui.

Botão para acessar a página de doações. Na imagem duas crianças sorriem animadas junto com um rapaz olhando para baixo.
Botão para acessar a página de doações. Na imagem de três crianças sorriem animadas junto com um rapaz olhando para baixo.